Quinta-feira, 12 de Março de 2020

Caso Ronaldinho: ex-jogador e irmão iam ser naturalizados, mas dizem que não sabiam

 

fotoefeitos.com__final_911316543853749772_.jpg

Capsule-Collection-YouTube-Thumbnail-2020-03-10T10

O ex-jogador de futebol Ronaldinho Dentuço e seu irmão Assis continuam presos em Assunção, no Paraguai, desde a quarta-feira (04/03) por uso de documentos falsos.

Desde então, a série de acontecimentos tornaram o episódio confuso de ser acompanhado: detenção em hotel, liberdade provisória, outras pessoas presas, ligação com outros possíveis crimes... Acompanhe a lista abaixo para entender o caso passo a passo.

Janeiro de 2015: Ronaldinho e Assis são condenados por multa ambiental

Ronaldinho Gaúcho e o irmão Assis foram condenados por dano ambiental após construírem, sem licenciamento, o trapiche e o deque na beira do lago Guaíba, em Porto Alegre (RS). A multa foi fixada em R$ 800 mil.

Novembro e dezembro de 2018: Apreensão de bens e passaportes de Ronaldinho e irmão

Devido ao não pagamento da multa de 2015, a Justiça determinou em novembro de 2018 a busca e apreensão de bens do ex-jogador e de seu irmão, tendo confiscado 3 carros de luxo e obras de arte. No mês seguinte, a dupla, que estava em viagem ao exterior, teve seus passaportes retidos no desembarque, sendo proibida de deixar o País.

Setembro de 2019: Regularização dos documentos de Ronaldinho e Assis

Segundo o Ministério Público do Rio Grande do Sul (MP-RS) informou à Agência Brasil, os irmãos fizeram nesse mês o acordo para o pagamento da multa, já com valor de R$ 8,5 milhões devido aos juros, para reaver os passaportes. A situação de ambos estaria, portanto, regularizada.

4 de março de 2020: entrada no Paraguai e detenção de Gaúcho e irmão

Clique aqui para saber como foi a prisão dos 2.

8 de março: outros crimes de Ronaldinho Gaúcho e Assis

Neste domingo (08/03) o Ministério Público paraguaio pediu a ampliação das investigações para saber se os irmãos estavam cometidos outros crimes. O promotor que solicitou a prisão preventiva, Osmar Legal, pertence à Unidade Especializada em Delitos Econômicos do Ministério Público, levantou a hipótese de que Ronaldinho e Assis possam ter envolvimento com lavagem de dinheiro.

10 de março: prisão domiciliar em Assunção no Paraguai

Juiz nega pedido de prisão domiciliar em Assunção requerida pelos advogados de Ronaldinho Gaúcho e seu irmão Assis que seguem presos.

O Ministério Público foi autorizado a fazer uma perícia nos celulares de Ronaldinho Gaúcho e Assis. A expectativa é de que isso ajude a investigar outros crimes cometidos por outras pessoas.

- Se mantém a medida cautelar de prisão na Agrupación Especializada. A investigação tem menos de uma semana. E está ficando claro o tamanho deste caso, com novas revelações. É de responsabilidade minha, do poder judicial, garantir a continuidade dessa investigação. Não podemos correr o risco de essa investigação acabar por causa de uma fuga ou de uma saída do Paraguai. A liberdade de Ronaldinho poderia significar obstrução da investigação ou fuga - declarou o juiz Gustavo Amarilla.

No sábado (07/03) os advogados de defesa do ex-jogador e seu empresário já haviam tentado tirá-los de lá, mas a Justiça decidiu manter a prisão preventiva de 6 meses.

Em entrevista ao Esporte Espetacular, o promotor Osmar Legal, responsável pelo pedido de prisão a Ronaldinho e Assis, afirma que acredita que os irmãos tenham cometido outros crimes. Ele também diz que a investigação do Ministério Público aponta relação de amizade entre os 2 e o empresário Wilmondes Sousa Lira, e que Dalia Lopez teria o projeto empresarial com Assis.

Neste segundo recurso apresentado pela defesa a casa localizada na cidade de Lambaré, região metropolitana de Assunção, foi oferecida como local para receber os irmãos Assis Moreira. Além disso, o valor do imóvel, avaliado em US$ 768 mil (cerca de R$ 3,6 milhões) serve como fiança.

A casa fica em Lambaré, cidade de cerca de 170 mil habitantes. Saindo da região central de Assunção, o deslocamento demora aproximadamente 30 minutos de carro. 

O que mais chama a atenção é a tranquilidade. Depois de sair do tumulto e congestionamento da capital paraguaia, a sensação é de calma ao chegar na avenida principal, a Juan Domingo Perón, com cenas típicas de cidades do interior. O movimento em frente à Igreja, os taxistas batendo papo no ponto e vizinhos conversando sem pressa. 

A casa fica próxima da região central, mas em um local bem isolado. É a penúltima residência de uma rua sem saída. 

O imóvel pertence a um amigo de 1 dos advogados paraguaios contratados para cuidar do caso. A casa está preparada, e se a transferência para prisão domiciliar for confirmada, este será o novo endereço de Ronaldinho e Assis no Paraguai.  

As informações são da TV paraguaia ABC.

21 de março: Ronaldinho pode passar aniversário na prisão em Assunção no Paraguai

 "Ronaldinho faz aniversário hoje (21/03) e ,em vez de estar com seu filho, está dando declarações, dizendo a verdade, à Justiça paraguaia”, afirmou o advogado paraguaio, que defende os irmãos, Adolfo Marín.

Foto mostra Ronaldinho tranquilo na prisão

Clique aqui para ver a foto do Dentuço.    Abatido, Ronaldinho se recusa comer mesma comida que os demais presos

 

 

 

 

publicado por srgiodefreitas1965 às 14:38

link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2020

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. FIFA ACEITOU ADIAR ELIMIN...

. SANTOS VENCE DELFÍN E SEG...

. Caso Ronaldinho: ex-jogad...

. Gre-Nal pela América 2020

. Santos vence Mirassol na ...

. Justiça do Paraguai decid...

. SANTOS VENCE DEFENSA ARGE...

. TV GLOBO TRANSMITE JOGOS ...

. FLAMENGO ENFRENTA CLUBE D...

. FLAMENGO VENCE INDEPENDIE...

.arquivos

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Fevereiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds