Quinta-feira, 27 de Novembro de 2014

TRIBUNAL DA CBF ABSOLVE 5RINTHIANS DO CASO PETROS

 

gremio_inter_2.jpg

 

16845120.jpg

 

A absolvição do Corinthians no caso Petros não saiu sem comentários do Beira-Rio. Ainda mais após a provocação feita pelo clube paulista em seu perfil do Twitter, ao colocar um dos mascotes dos Jogos Olímpicos de 2016 com o nome de "DVD" - uma alusão ao episódio da final da Copa do Brasil de 2009, quando o então vice de futebol Fernando Carvalho convocou a imprensa para mostrar lances que supostamente ajudariam o Timão. D'Alessandro também acredita que há uma forma de análise distinta ao que ocorre com as outras equipes.

O capitão colorado, no segundo jogo da decisão do torneio de 2009 acabou expulso. E o julgamento ainda mexe com ele, mesmo cinco anos depois. O gringo acha que as decisões que não ocorrem dentro de campo têm como natural o Corinthians como o principal beneficiado. Todavia, viu como alento o fato de Inter e Grêmio terem se aliado em busca de um bem comum:

- Não concordo. Foram eles que fizeram isso. Desde que cheguei aqui aconteceram muitos fatos fora do campo e sempre o Corinthians saiu favorecido. Muitas vezes nem adianta ir ao Tribunal que você já sabe o que acontecerá. Na final da Copa do Brasil, se fosse outro time, eu teria ido uma vez, lá fui 5 suando, passando vergonha. Acho que só porque era o Corinthians. O ponto positivo foi Inter e Grêmio se unirem, isso não pode ser esquecido. Mas foi burocracia. Se ocorrer com outros times é bom lembrar qual foi a resolução.

A revolta de D'Ale acabou minimizada porque não interferiu na situação colorada na tabela. Apesar de o Timão não ter perdido os 4 pontos, o que o manteve com os 66 na terceira colocação, 3 a frente do Colorado - o quarto -, os comandados de Abel Braga seguem com a necessidade de uma vitória simples contra o Palmeiras para garantir a vaga à Libertadores. Algo que foi celebrado pelo meia:

- Não dependemos do Corinthians, só de nós. Não entramos no problema jurídico, de papel, burocrático. A resolução saiu, não vou falar do Corinthians. O Inter tem um histórico negativo em termos de decisões fora do campo. Mas não vou entrar nisso, não é minha função.

publicado por srgiodefreitas1965 às 18:55

link do post | comentar | favorito

TATYANA JORGE: A MAIS GATA DA TV TRIBUNA

sem_titulo_2.jpg

 

 

Tatyana Jorge é apresentadora e repórter da TV Tribuna.  Ela fez matérias sobre a missão no Haiti

Antes de vir trabalhar na TV Tribuna em 2007, ela já foi âncora do telejornal da hora do almoço quando trabalhou em Campinas.

Aqui começou como repórter, depois apresentou e editou o Tribuna Cidade e, atualmente, apresenta o bloco local do Bom Dia São Paulo.


Quem a vê diariamente apresentado o Bom Dia São Paulo ou em alguma reportagem do Jornal da Tribuna nem imagina que Tatyana Jorge possui um método muito especial para ajudá-la na concentração: o Yôga!

A jornalista da TV Tribuna pratica o método DeRose há mais de 8 anos e ela garante que a facilidade para se concentrar, a melhora na memória, a confiança e a determinação são alguns dos benefícios que o Yôga lhe proporciona.

publicado por srgiodefreitas1965 às 18:02

link do post | comentar | favorito

GALÃO DE NOVO: VENCEU NO MINEIRÃO E FOI CAMPEÃO

galo.jpg

 Assista ao compacto do jogo de quarta-feira (26/11) à noite

A história vitoriosa do Atlético-MG no Novo Mineirão, começou no Campeonato Mineiro do ano passado, quando a equipe liderada por Ronaldinho Gaúcho disputou a segunda partida da final da competição no Gigante da Pampulha. Mesmo com a derrota de 2 a 1, a equipe de R10 levantou a taça por ter vencido a primeira partida por 3 a 0, no Independência.

Em seguida, o time alvinegro conquistou o título mais importante da história do clube. Após perder a primeira partida da decisão da Taça Libertadores para o Olímpia-PAR, em Assunção, por 2 a0, o Galo devolveu o placar no jogo de volta e conquistou o título nas cobranças de pênaltis.

Na temporada 2014, mais 2 títulos inéditos. Em julho, sob o comando do técnico Levir Culpi,  em mais uma partida emocionante, a equipe alvinegra venceu o Lanús-ARG. por 4 a 3 na prorrogação, e se sagrou campeão da Recopa Sul-americana. Já no final desta temporada, a conquista da Copa do Brasil sobre o maior rival, veio coroar uma equipe que, apesar de ter adotado o Independência como casa, comemorou as mais recentes glórias no Mineirão.

O Atlético-MG voltou a vencer o Cruzeiro, desta vez por 1 a 0, no Mineirão, conquistando a primeira Copa do Brasil da história do clube e chegou à quarta conquista no Gigante da Pampulha desde a reabertura do estádio, após as reformas para a Copa do Mundo, em fevereiro de 2013. Feito que o clube fez questão de ressaltar em nota no site oficial do clube alvinegro. O texto publicado pelo departamento de comunicação atleticano traz o seguinte conteúdo: “Com o título da Copa do Brasil, conquistado na noite desta quarta-feira (26/11), com a vitória por 1 a 0 sobre o Cruzeiro, o Atlético alcançou a marca de 4 títulos no novo Mineirão, isolando-se como o maior campeão do estádio.” A citação faz referência ao  time celeste, arquirrival atleticano, que festejou um título estadual (2013) e 2 brasileiros (2013 e 2014) no estádio que adota como casa.

 

publicado por srgiodefreitas1965 às 17:41

link do post | comentar | favorito

CONFUSÃO NO CONGRESSO BRASILEIRO

 

FotoFlexer_Photo.jpg

 Enorme bate-boca marcou a sessão à tarde. Com quantidade insuficiente de parlamentares no plenário, o senador Romero Jucá (PMDB-RR), relator da proposta, tentou abrir a sessão com o quórum da véspera, antes da chegada do presidente do Senado, senador Renan Calheiros (PMDB-AL). É necessária a presença mínima de 257 deputados e 41 senadores para que qualquer votação seja iniciada, e o regimento fixa um prazo de 30 minutos de tolerância para que os números sejam alcançados. Sob protestos da oposição, assim que chegou, Calheiros anunciou que iria aguardar o quórum por mais 30 minutos para poder iniciar os trabalhos.

Como a reunião estava marcada para às 12h e o relógio mostrava quase 13h, o líder dos DEM na Câmara, deputado Mendonça Filho (PE), exigiu o encerramento imediato da sessão. Teve início então uma áspera discussão entre ele e Renan Calheiros. “Cale-se!”, chegou a exclamar, exasperado, o presidente do Congresso, cortando, em seguida, o microfone do deputado. Não menos exaltado, o parlamentar pernambucano foi até a mesa para exigir explicações. “Existe um quarto regimento desta casa, o do Renan, que é líquido e adapta-se de acordo com as vontades dele”, criticou o democrata. Com o dedo em riste, ele chegou a afirmar que Calheiros era a “vergonha” do Congresso.

Depois da confusão, o presidente do Congresso pediu desculpas ao parlamentar pernambucano e admitiu ter se confundido. “Havia uma questão de ordem de que eu não havia tomado conhecimento. Tanto que refiz, a abertura e anulei a lista de presença da sessão de ontem”, disse Calheiros. “Não estou aqui para atropelar o regimento”, emendou, antes de encerrar a sessão e convocar nova reunião para a terça-feira (05/12).

O presidente do PSDB e senador, Aécio Neves (MG), afirmou que Dilma é “refém” da sua base aliada no Congresso. Ele colocou na conta dos governistas, mais do que sob responsabilidade da oposição, a derrota que o Palácio do Planalto sofreu na votação do projeto. “A presidente, para se livrar do crime de responsabilidade, terá de entregar espaços cada vez maiores do seu governo. E a base sabe disso. Hoje ela é refém da sua base de apoio, especialmente do PMDB”, disse o senador mineiro.

O bate-boca

“Você é uma vergonha! Cortar a minha palavra?! Tenho direito. Venha me tirar daqui!” – Mendonça Filho (PE), líder do DEM na Câmara, que teve o som do microfone cortado e foi até a Mesa Diretora

“Cale-se! Cale-se!” – Renan Calheiros (PMDB-RN), que presidia a sessão

“Você não vai calar ninguém!” – Rubens Bueno (PR), líder do PPS na Câmara, do plenário

“Nunca vão cassar minha palavra. Não vim aqui para me vender”– Mendonça Filho

publicado por srgiodefreitas1965 às 17:08

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 24 de Novembro de 2014

A MORTE DE JOÃO PAULO EM 1997

1379410_235617403267666_383719419_n.jpg

 

1545761_252341938261879_1559167627_n.jpg

 Exclusivo: Viúva do cantor João Paulo abre as portas de sua casa e fala sobre indenização

A morte de João Paulo ocorreu quando ele voltava para casa na madrugada do dia 12 de setembro de 1997, após um show na cidade de São Caetano, no ABC. O acidente aconteceu na altura do km 40 da Rodovia dos Bandeirantes, em Franco da Rocha, na Grande São Paulo. O veículo capotou, invadiu o canteiro central da via e pegou fogo. O cantor morreu carbonizado.

 

Na ação, a BMW alegou "culpa exclusiva da vítima por imprudência e imperícia, pois dirigia cansado, sem usar cinto de segurança e imprimia velocidade incompatível com o local". A defesa da montadora alegou ainda que "o pneu não estourou, não existindo defeito do produto, do projeto, da montagem ou vício oculto".

 

A Justiça de São Paulo responsabilizou nesta segunda-feira (24/11) a BMW e o cantor sertanejo João Paulo, que fazia dupla com Daniel, pelo acidente com o carro da montadora que provocou a morte dele em 1997 em Franco da Rocha, na Grande São Paulo. Por causa disso, a indenização de R$ 300 mil determinada em 1ª instância foi reduzida.

 

Em 2013, o juiz Rodrigo César Fernandes Marinho, da 4ª Vara Civel Central, havia entendido que o sertanejo também teve culpa no acidente, contribuindo para que ele acontecesse. Laudo da Polícia Técnico-Científica indicou que o carro estava a mais de 130 km/h. João Paulo morreu em 12 de setembro de 1997, na Rodovia dos Bandeirantes, onde o limite é de 120 km/h.

publicado por srgiodefreitas1965 às 17:33

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 20 de Novembro de 2014

GRANDE CLÁSSICO: SAN-SÃO COM ROBINHO E TUDO

 

 

14165109059239391884.jpg

14165109842065225075.jpg

San-São é, no futebol paulista, o confronto entre Santos e São Paulo. Este apelido foi dado pelo jornalista Tomás Mazzoni, do jornal A Gazeta Esportiva, em 1956.

Santos e São Paulo vão se enfrentar domingo (23/11), à partir das 17h (horário de Brasília) em Cuiabá pela 36ª rodada do Brasileirão 2014.

Desde 1971, ano do primeiro Brasileirão, as equipes já se enfrentaram em 98 ocasiões, com 32 vitórias para o São Paulo contra 43 do Santos. Aconteceram 23 empates e o Tricolor tem 146 gols marcados contra 166 do Peixe.

O primeiro confronto entre as equipes no Campeonato Brasileiro aconteceu em 14 de agosto de 1971, no Morumbi. O Santos, que tinha Pelé, venceu por 3 a 1, com gols de Dicá, Mazinho e Edu. Terto descontou para o São Paulo, que jogou com Gérson e Pedro Rocha, como destaques.

Na oportunidade Oswaldo Brandão dirigia o time do Morumbi enquanto Mauro Ramos de Oliveira comandava o Santos.

O melhor jogo da Vila Belmiro foi em 2 de outubro de 2013 pelo Brasileiro e o Santos venceu por 3 a 0.   Naquela época Muricy Ramalho foi demitido pela diretoria santista e foi contratado de volta ao Tricolor e aquele jogo era muito melhor do que qualquer 1.

O promotor de justiça Francisco Cembranelli, os jornalistas Lélio Teixeira, Paulo Roberto "Morsa? Martins, o empresário Rafael Neves e o cantor Kiko Zambianchi estiveram na Vila Belmiro além do ex-goleiro Lalá e Dorval. 

- No camarote quem estava sentado era o ex-goleiro do Santos Fábio Costa. Ele não gritou, não xingou e muito menos comemorou os gols do seu atual time.
 
- Em 5 dias, o jovem atacante Neymar marcava 7 gols.

- A torcida do São Paulo cantou durante o jogo: "Santos do baralho lugar de Peixe é dentro do aquário !!!

- Os santistas responderam ? "Bambi do baralho lugar de bicha é dentro do armário !!!

- O lateral Pará (hoje no Grêmio) foi escolhido por Lélio Teixeira, Gigi e por Lalá como o melhor do jogo.

- Dorval escolheu Robinho como o craque da partida.

- Os torcedores deixaram a Vila Belmiro mais famosa do mundo aos gritos "ÃO,ÃO,ÃO,Tricolor na segunda divisão !!!

"Tomara que o Santos detone o São Paulo: 4 a 0 está lindo! Os sãopaulinos são muito chatos, tem de ser 4 a 0 para ficarem quietos", declarou Robinho que jogará domingo.

E o Sérgio Santista está rindo à toa !

 

 
 
publicado por srgiodefreitas1965 às 19:01

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 19 de Novembro de 2014

PELÉ FEZ O MILÉSIMO GOL E FEZ 45 ANOS

 

EM231120100831.jpg

 

"Minhas pernas tremeram. Eu não podia perder aquele gol." É assim que Pelé relembra os momentos que antecederam ao pênalti cobrado há exatos 45 anos no Maracanã, contra o Vasco.O Brasil, na ocasião, esperava pelo milésimo gol do Rei do Futebol com ansiedade. Antes de correr para a bola e executar a famosa paradinha para fazer história, Pelé pôs a mão na cintura à espera do apito do árbitro Manoel Amaro de Lima. Depois, levou o ombro ao rosto para secar o suor e deu as costas para a meta vascaína. Da área, olhou os jogadores do Santos perfilados no centro do gramado, virou-se e chutou com precisão, à meia-altura. O milésimo havia virado realidade.

Para relembrar a data histórica, o Estado escutou 44 ex-jogadores - companheiros e adversário do Rei - que elaboraram uma lista com os gols mais bonitos de Pelé. O gol mais lembrado foi o marcado na final da Copa do Mundo de 1958, contra a Suécia: o lance imortalizado pelo chapéu no zagueiro foi citado 8 vezes. O gol diante do Juventus, em 1959, teve 5 votos - a jogada, que teve 3 chapéus nos adversários, tem a preferência do próprio Pelé.

4 lances que não resultaram em gol também foram lembrados. Entre eles estão o drible no goleiro Mazurkievski, na Copa de 1970 - e o rebote do próprio uruguaio, no mesmo jogo. A cabeçada diante da Inglaterra, também no Mundial do México, e a bicicleta no Maracanã diante da Bélgica, em 1965.

Pelé marcou o milésimo gol aos 29 anos, depois de 13 anos de carreira. O pênalti contra o Vasco foi sofrido por ele mesmo, aos 33 minutos do segundo tempo, quando o placar apontava 1 a 1. O ex-meia Fernando, 45 anos depois, nega que tenha derrubado o Rei. "Ele bateu na minha perna e caiu. O gol tinha de ser no Maracanã", disse em entrevista ao Estado.

O goleiro Andrada, por sua vez, ainda lamenta quase ter impedido a festa. "A bola raspou nos meus dedos", relembra o ex-jogador do Vasco, que citou o gol na lista. Segundo o argentino, que falou com a reportagem por telefone, o milésimo gol marcado pelo camisa 10 do Santos foi "bonito"

Aguinaldo Moreira, companheiro de Pelé no time santista, relembra da festa no gramado. O goleiro, depois da invasão dos jornalistas, ergueu o Rei. "Queria dar a volta no Maracanã com ele nas costas. Foi uma alegria total."

À ESPERA

O milésimo gol demorou mais do que o previsto para, enfim, sair. No dia 14 de novembro, o Santos enfrentou o Botafogo-PB em João Pessoa. Pelé marcou, na ocasião, o gol número 999, aos 13 minutos do segundo tempo. Depois de 15 minutos, substituiu o goleiro Jair, que acabou contundido após uma trombada na área. "O Antoninho não me relacionou para o jogo e colocou só 1 goleiro, o Jair Esteves. Ele caiu machucado e o Pelé foi para gol para não marcar o milésimo lá", admite Aguinaldo.

No jogo seguinte, dia 16, na Fonte Nova, Pelé passou em branco no empate por 1 a 1. O jogo foi marcado pela vaia ao zagueiro Nildo, responsável por evitar o milésimo ao tirar a bola em cima da linha. Pelé, na jogada, já havia driblado o goleiro Jurandir antes da finalização. A 2 minutos do fim, o Rei ainda mandou uma bola no travessão. No rebote, Jair Bala empatou a partida.

Segundo Aguinaldo, Pelé se mostrou ansioso pelo milésimo no Maracanã. O milésimo começou a virar realidade depois que Clodoaldo lançou a bola rasteira para Pelé na área. O camisa 10 correu para receber a bola e acabou tocado por Fernando. Antes da cobrança, os jogadores do Vasco cercaram o árbitro. O lateral Fidélis chegou a pisar na marca do pênalti para tentar atrapalhar o chute. Em vão. O chute forte e colocado morreu no fundo da rede da meta de Andrada. O milésimo saiu exatamente às 23h17 do dia 19 de novembro, quarta-feira, para delírio dos 65.157 mil torcedores presentes ao Maracanã. 

Na noite que marcou o milésimo gol de sua carreira, Pelé anotava o gol de número 872 com a camisa do Santos. O gol de número mil com a camisa santista só foi marcado 2 anos e meio depois, em uma partida contra a Universidad del México, em 2 de julho de 1972.  E veja também: o gol especial de Pelé no filme "Fuga Para a Vitória" de 1981.

publicado por srgiodefreitas1965 às 18:10

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 18 de Novembro de 2014

EDINHO CONDENADO A 33 ANOS DE XILINDRÓ

 

pele-edinho.jpg

 Abatido, com os olhos vermelhos de cansaço e praticamente há 4 dias sem dormir e se alimentar direito, o ex-jogador do Santos Ronaldo Barsotti de Freitas, o Pitico, de 65 anos, falou na quarta-feira pela primeira vez sobre a prisão de seu filho, Ronaldo Duarte Barsotti de Freitas, o Naldinho, de 33. Segundo ele, Naldinho é inocente.- Meu filho não é bandido, acho isso uma armação da polícia – afirmou.

Naldinho é acusado por policiais do Departamento de Investigações sobre Narcóticos (Denarc) de comandar uma quadrilha que movimentaria 2 toneladas de cocaína por mês no eixo Rio-São Paulo-Minas Gerais e forneceria drogas para facções criminosas desses estados. Junto com ele foram presas outras 12 pessoas, entre elas Edson Cholbi do Nascimento, o Edinho, de 44 anos, filho de rei Pelé.

Edinho, de 44 anos, foi preso novamente na tarde desta terça-feira (18/11) na Praia Grande, em São Paulo. Ele foi detido com base em uma ordem de captura definitiva expedida pela Justiça por condenação a 33 anos de detenção, por lavagem de dinheiro e também envolvimento com tráfico. Em julho, Edinho foi preso quando respondia à acusação em liberdade, mas foi solto uma semana depois. A pena de Edinho é a mesma de outros 4 acusados de estarem envolvidos no esquema de lavagem: Ronaldo Duarte Barsotti de Freitas (“Naldinho”), Clóvis Ribeiro (“Nai”), Maurício Louzada Ghelardi (“Soldado”), e Nicolau Aun Júnior (“Veio”). A acusação é de que Edinho fazia uma ponte entre os braços armado e financeiro da facção, que teria conexões com o Comando Vermelho, do Rio de Janeiro, abastecendo a capital fluminense. Ghelardi era o responsável em ocultar bens, Aun Júnior cuidava da parte financeira, Barsotti de Freitas era o líder da quadrilha e Ribeiro o número 2 na hierarquia. As investigações do caso começaram em 2005, com a Operação Indra, organizada pelo Departamento de Investigações sobre Narcóticos (Denarc). Edinho foi goleiro do Santos em duas passagens na década de 1990.   Porém na noite de quarta-feira (19/11) foi solto da cadeia anexa ao 5º Distrito Policial (DP) de Santos, no litoral de São Paulo através de habeas corpus impetrado pelo advogado Eugênio Malavasi e a Justiça acatou o pedido de soltura.

Pitico conta que o filho já cumpriu pena de 6 anos de reclusão por tráfico, na Penitenciária Adriano Marrey, em Guarulhos, e em São Vicente. Mas desde 1999, quando saiu da prisão, mudou de vida e se recuperou.

- Tudo o que ele tem está documentado e declarado no Imposto de Renda. Se fosse produto de droga, não estaria no ramo até hoje – avaliou Pitico. O pai diz que Naldinho também foi acusado de homicídio e tráfico e absolvido por unanimidade pela Justiça.

Segundo Pitico, o filho nunca quis que a família fosse visitá-lo na prisão.

- Ele sabia que eu passaria mal. Toda vez que saía de lá vomitava. É uma situação humilhante, porque eles revistam a gente por inteiro e até deixam nu – lembrou.

O ex-jogador, amigo de Pelé, afirma que o filho nunca lhe deu problemas.

- Até hoje ele só tem correspondido a tudo que a família esperava. Casou-se com uma dentista de família tradicional, tem 2 filhos e é um excelente pai – afirmou.

Há mais de 5 anos, ele desapareceu misteriosamente – alguns dizem que Naldinho foi eliminado por desafetos do PCC. No entanto, existe também a hipótese de que, na realidade, o bandido fugiu e mudou-se para local incerto, onde viveria com nova identidade.

  Investigações do 1º Distrito Policial de Santos apontam que Ricardo Vatanabe, o Japonês do Funk,que foi encontrado morto em seu escritório, no bairro da Vila Belmiro, no dia 28 de outubro de 2012, devia R$ 60 mil ao traficante Naldinho.

publicado por srgiodefreitas1965 às 22:29

link do post | comentar | favorito

Brasil vence com Danilo e ajuda de Casemiro

 

frimino-brasil-reu.jpg

 

Os 2 jogadores do FC Porto foram utilizados por Dunga na vitória do Brasil na Áustria naquele que foi o último jogo particular de 2014 da seleção canarinha.

Danilo voltou a ser titular, o que sucede desde a chegada do novo selecionador, enquanto Casemiro, companheiro do lateral no FC Porto, foi lançado no jogo aos 81 minutos, numa altura as equipas estavam empatadas a um golo.

David Luiz, de cabeça e na sequência de um canto, inaugurou o resultado aos 64 minutos, mas aos 75, na conversão de uma grande penalidade, Dragovic empatou. Um minuto depois de Casemiro substituir Fernandinho, Firmino empatou, aos 83', com um grande golo.

Clique aqui e veja o jogo completo

O último treinador a vencer as 6 primeiras partidas no comando da Seleção foi João Saldanha, em 1969. Depois, ele chegou a 13 vitórias. 

publicado por srgiodefreitas1965 às 21:53

link do post | comentar | favorito

1-1 Empate entre Italia y Croacia en un partido interrumpido por bengalas

El partido entre Italia y Croacia, correspondiente a las eliminatorias rumbo a la Eurocopa 2016 y que terminó con empate por 1-1, se suspendió alrededor de 12 y 13 minutos debido a que aficionados croatas lanzaron una gran cantidad bengalas al terreno de juego.   Clique aqui para ver la confusion

 

Al 72' los fanáticos ubicados en la parte alta del Estadio Giuseppe Meazza, perdieron la compostura y arrojaron pirotecnia al campo, la policía se encargó de desalojar a los culpables de los incidentes para que el partido pudiera reanudarse.

El primero en pegar fue Italia, al 10' Zaza sacó un potente disparo desde las afueras del área rival para marcar el 1-0 para los italianos, sin embargo; el gusto le duró poco a los locales, pues al 15' Perisic hizo una gran jugada para emparejar el marcador.

 

Poco antes del descanso, Buffon se vistió de héroe y salvó su marco al atajar un cabezazo de Corluka dentro del área.

 

En el arranque del complemento, Subasic le negó el segundo tanto a Zaza, pero después de esta jugadas las emociones bajaron y el peligro llegó a cuentagotas en las áreas rivales y el juego concluyó igualado por 1-1.

7249300w.jpg

 

publicado por srgiodefreitas1965 às 21:33

link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. ARGENTINA EMPATA COM O UR...

. CLUBES DO CHILE PODEM FIC...

. BRASIL ENFRENTA CORÉIA DO...

. Rosenborg 0-2 Sporting: L...

. SANTOS VENCE AVAÍ E SE GA...

. 5RINTHIANS CAI DE 4 HUMIL...

. 5RINTHIANS TOMA SURRA DO ...

. 5rinthians, Palmeiras, Sa...

. 5RINTHIANS EMPATA E DIZ A...

. Final da Libertadores en...

.arquivos

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Fevereiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds